Você sabe quais são as principais técnicas da Micropigmentação?

Qual a primeira coisa que você faz quando deseja realizar um procedimento estético? Pesquisa, é claro!

Quando se trata de micropigmentação é possível encontrar muita informação sobre o assunto. No entanto, é complicado conseguir achar uma que explique as dúvidas básicas desta modalidade estética que vem crescendo consideravelmente nos últimos anos. Como a Haut é pioneira neste mercado, contaremos para você quais são as principais técnicas de micropigmentação e te ajudaremos a escolher a que melhor se adapta ao seu estilo.

Mas afinal, quais são as principais técnicas de micropigmentação?

Essa é a dúvida que não quer calar! Vamos direto ao ponto para você entender as principais técnicas.

Embora existam outras técnicas de micropigmentação, as mais populares são as técnicas fio a fio e Shading.

 – Micropigmentação fio a fio:

A técnica de micropigmentação fio a fio, também é chamada de hiper-realista ou 3D, geralmente é o procedimento mais recomendado para quem possui falhas nas sobrancelhas. Esta técnica permite desenhar, corrigir e iluminar usando recursos de espessura e cores.

 Como é realizada a técnica de micropigmentação fio a fio?

O objetivo do procedimento é trazer naturalidade para o olhar, onde os fios são desenhados com o dermógrafo que imita a aparência dos fios. Este equipamento serve para implantar o pigmento na camada superficial da pele, redesenhando os fios, dando forma e trazendo a aparência natural para as sobrancelhas.

Agora que você já o que é a técnica de micropigmentação fio a fio, aposto que você deve estar se perguntando: “Será que dói?!”.  Vamos te falar com a maior franqueza: Não é um procedimento indolor, mas também não podemos dizer que é extremamente dolorido.

Como utiliza uma camada superficial da pele, é possível que você sinta um leve desconforto. Pode ser aplicado um calmante caso a pessoa tenha muita sensibilidade a dor.

Micropigmentação Fio a Fio
Micropigmentação Fio a Fio
Micropigmentação Fio a Fio
Micropigmentação Fio a Fio

– Micropigmentação Shading ou Sombreada:

Quando falamos em técnica de micropigmentação shading ou sombreada, logo vem à mente a palavra sombra ou esfumada, não é mesmo? E realmente é este o efeito suave que esta técnica traz para as sobrancelhas femininas, uma espécie de sombra natural devido ao tipo de traços realizados e também em relação a coloração utilizada. Vamos entender melhor:

Na técnica de micropigmentação shading, o objetivo é trazer o efeito necessário para volume e sombra. Assim como na micropigmentação fio a fio, o procedimento também é focado para dar aos fios forma realista.

Como é realizada a técnica de micropigmentação Shading?

A técnica traz para a sobrancelha a utilização de luz, acabamento de bordas, a saturação e densidade da cor, além de trabalhar os elementos de visagismo e pontilhismo.

Consiste em criar micro pontos, como uma espécie de pontilhado que acompanham o desenho dos fios. Além da aparência de volume e sombra, é possível obter o efeito degradê ou ombré, que trabalham a intensidade da tonalidade do mais claro para o mais escuro. Confira na imagem o resultado da técnica shading e ombré shading.

Efeito Shading
Técnica de micropigmentação shading

Além do efeito degradê, com a técnica de micropigmentação shading também é possível realizar sombras naturais em cada fio, trazendo a aparência de sobrancelhas mais fartas.

Ombre Shading
Micropigmentação Ombre Shading

Qual equipamento é utilizado para realizar as técnicas de micropigmentação fio a fio e shading?

Na micropigmentação existem dois equipamentos usados para realizar os procedimentos: O indutor elétrico e manual. O indutor elétrico é chamado de dermógrafo e o manual, tebori.

Para realizar as técnicas de micropigmentação fio a fio e shading o dermógrafo é utilizado, uma espécie de caneta elétrica. Ele permite a utilização de diferentes tipos de agulhas e faz com que o pigmento seja depositado na camada superficial da pele. Através de pulsos a pele é perfurada e os fios vão recebendo forma e a coloração.

A Haut desenvolveu seu próprio dermógrafo, pensado pelos melhores especialistas e criado para profissionais micropigmentadores. Estudos feitos desde potência e anatomia do equipamento até a firmeza no traçado, contribuem para que a micropigmentação fique perfeita! Claro que a habilidade do profissional, conta bastante para garantir o efeito desejado, por isso é muito importante saber se o micropigmentador é certificado.

Dermógrafo Haut PL3
Dermógrafo Haut PL3

Agora que você conheceu sobre as principais técnicas de micropigmentação e o equipamento utilizado, vamos te contar mais uns segredinhos:

 

Você sabe quais os 4 principais benefícios da Micropigmentação?

– Correção e Modelagem: A utilização de cera, fio ou pinça, pode não beneficiar o formato das sobrancelhas, provocando falhas. Alguns acidentes como cortes, também podem impedir o crescimento de pelos na região. Para corrigir problemas como estes, a micropigmentação fio a fio é uma solução muito eficiente, prática e acessível, além do resultado estético ajuda dar aquela guinada na autoestima!

– Cicatrização: O processo de cicatrização da micropigmentação pode variar de 5 a 7 dias, em ambas as técnicas de micropigmentação. É importante ressaltar que produtos específicos para a micropigmentação, como o uso de pomada reparadora, são expressamente recomendados do que os utilizados para qualquer tipo de cicatrização, principalmente por serem desenvolvidos com ativos que higienizam, limpam, protegem e hidratam a área em que o procedimento foi realizado.

–  Durabilidade: Utilizando a técnica de micropigmentação fio a fio, você vai poder fazer retoque de 1 ano e meio a 2 anos com o dermógrafo! Não é maravilhoso? Se você busca praticidade e economia de tempo, esta sem dúvida é a melhor alternativa para você deixar as sobrancelhas super lindas por um tempão!

– Naturalidade: O principal benefício da micropigmentação fio a fio é a naturalidade. A técnica realça os traços, corrige as falhas de forma natural e define o olhar sem parecer artificial, utilizando as cores dos pigmentos próximas ao dos cabelos e que harmonizam com a pele. É perfeito!

Com a micropigmentação fio a fio você pode dar sossego para as maquiagens de retoque de sobrancelhas e se sentir linda e autoconfiante! Inspire-se nestes antes e depois 😉

Antes e Depois Micropigmentação Fio a Fio
Antes e Depois Micropigmentação Fio a Fio

Antes e Depois Fio a Fio

Antes e Depois Micropigmentação Shading
Antes e Depois Efeito Shading

Independente da técnica de micropigmentação que você escolha, o ponto essencial é definir o profissional que irá realizar o procedimento em suas sobrancelhas. Ambas as técnicas têm em comum a naturalidade, embelezamento ao olhar, possuem durabilidade, o procedimento é relativamente rápido e são práticas, fazendo com que o custo benefício seja muito atraente.

Continue acompanhando o Blog da Haut que temos vários conteúdos sobre o mercado da micropigmentação, equipamentos, produtos e tendências, tudo para ajudar você a crescer profissionalmente e estar sempre preparado. Curta e compartilhe este post!

Ficha de Anamnese: faça o download gratuitamente

A Anamnese é uma entrevista que um profissional de saúde, e agora também o profissional de estética, precisa fazer para conhecer melhor seu paciente e/ou cliente, realizando um diagnóstico preciso para realizar o melhor procedimento e para se precaver de ser surpreendido com futuras ocorrências desagradáveis relacionadas ao procedimento realizado.

O termo Anamnese vem do grego ana (trazer de novo) e mnesis (memória) e nos dias atuais é um procedimento feito em formato de questionário, impresso ou online, onde o paciente responde perguntas que contam seu estado de saúde de maneira geral, como antecedentes médicos, doenças pré-existentes, alergias e expectativas gerais sobre a intervenção de saúde e estética pelo qual vai passar.

Como qualquer outro tipo de entrevista, uma Anamnese tem um padrão correto a ser aplicado e é preciso observar as melhores formas e técnicas para transformar o questionário em um guia de sucesso.

Pensando nisso, a Haut Medical desenvolveu uma Ficha de Anamnese especial para o procedimento de micropigmentação e PMU (Permanent Make-up ), com todas as informações necessárias para realizar o melhor procedimento possível. Não perca tempo e baixe a sua gratuitamente. É só cadastrar o seu e-mail e fazer o download no link abaixo.

 

BAIXE SUA FICHA GRATUITAMENTE AQUI!

Função do sistema imunológico na micropigmentação

Durante uma micropigmentação, o corpo humano trabalha muito para a completa e saudável recuperação da área atingida. Mesmo que o dano seja mínimo, a pele micropigmentada recebe uma agressão mecânica da agulha no tecido dérmico com a entrada do pigmento no organismo e, com isso, o sistema imunológico da pessoa entra em campo para remover esta que é considerado uma invasão por um corpo estranho. Todo esse processo nos leva a sentir dor, ardor, sensação de queimação, vermelhidão e sensibilidade e isso tudo é muito positivo, pois indica que o sistema imunológico está funcionando bem.

Além do sistema imunológico, responsável pela proteção e limpeza de agentes patógenos que poderiam vir a invadir o organismo, outro sistema do nosso corpo que entra em ação neste momento é o de reparação de dano, também conhecido como cicatrização.

sistema imunológico na micropigmentação
Micropigmentação

Células do Sistema Imunológico

As duas células mais importantes relacionadas à micropigmentação são os neutrófilos e o macrófago. Juntas representam a maior parte das células do sistema imunológico do nosso corpo.

O neutrófilo, popularmente conhecido como glóbulo branco, costuma ficar circulando na corrente sanguínea à procura de ameaças. Pelo seu aspecto de movimentação, ele vai ser o primeiro a trabalhar a proteção da área micropigmentada, liberando radicais livres e se aderindo as paredes dos vasos sanguíneos, porém, como não possui muita energia, seu tempo de ataque dura apenas o tempo suficiente para os macrófagos o substituir.

O macrófago tem sua origem no monócito, um tipo de linfócito produzido na medula óssea e é conhecido como uma célula de limpeza do corpo com grande importância na resposta imunitária, produzindo e expelindo moléculas que, entre outras funções, atraem e produzem outras células que irão se concentrar um local em que esteja ocorrendo uma reação inflamatória. Ela chega no local micropimentado em média de 12 a 24 horas depois da realização do procedimento e tem papel importante na imunidade adaptativa, fazendo que o organismo reconheça essas estruturas e crie estratégicas específicas para este pigmento ao longo dos anos.

Todo esse processo biológico e químico na região micropigmentada é essencial para surgir a quimiotaxia, que é quando o organismo concentra toda a sua movimentação celular em um único local, geralmente de lesão, permitindo que a cicatrização se realize por completo.

Curso de Micropigmentação Haut Academy

Micropigmentação: o que é?

Micropigmentação ou Permanent Make-up (PMU) é um procedimento estético também conhecido como maquiagem definitiva, dermopigmentação ou tatuagem cosmética, que consiste na introdução dérmica, logo após a pele, de pequenas partículas de pigmentos, de cores variadas, através de um aparelho chamado dermógrafo.

O dermógrafo possui uma agulha de uso único que sobe para o interior da cápsula, é banhada de pigmento, e quando desce introduz o pigmento no interior da derme, onde fica alojado. Esse movimento é chamado de pulso e vários pulsos em uma determinada região formam o desenho ou “pintura” da micropigmentação.

dermografo haut
Novo dermógrafo da Haut Tech

Além dos procedimentos mais conhecidos como maquiagens temporárias, design de sobrancelhas, reparo e disfarce de falhas faciais e preenchimento de lábios, a micropigmentação vem atuando em outras frentes como reconstrução de formas causados por envelhecimento, doenças, quimioterapias, heranças genéticas, entre outros.

Vitiligo, calvície, cicatrizes oriundas de retirada de mama, lábio leporino, manchas de envelhecimento, são alguns dos incômodos de âmbito da estética e saúde que a micropigmentação consegue reparar de forma bem satisfatória. Nunca esquecendo que para atingir esses resultados mais elaborados é preciso contar com os melhores profissionais, máquinas e produtos que o mercado consegue entregar.

micropigmentação na sobrancelha
Micropigmentação na sobrancelha

Contraindicações da micropigmentação

As únicas restrições para o processo de micropigmentação são para as pessoas que apresentam patologias no local do procedimento, pele lesionada ou algum tipo de dermatose, gestantes, lactantes ou em tratamento de câncer.

No caso das gestantes e mulheres que estão amamentando não existe nenhum fator conhecido de nível biológico ou químico que impeça o procedimento, porém a hesitação se encontra mais no campo ético, na observação dos gatilhos psicológicos que a pessoa que está passando por este momento precisa cuidar.

Em relação ao tratamento de câncer, é preciso atentar para o fato de que esta doença específica ainda apresenta uma abrangência desconhecida pela ciência moderna, o que nos impede de realizar o procedimento por uma questão ética e também por não haver literaturas que nos digam o que aconteceria se houvesse essa aplicação.